24 de dez de 2015

Solitude

Ola, parece que resolvi aparecer logo após sumir por um ano e ter dito que não iria mais sumir. Bom, mas voltei. Apenas para compartilhar mais um dos pequenos textos, que desta vez começou como sendo algo que diria à alguém e agora vai ser para quem quiser ler. 
"Ás vezes é bom termos um tempo para nós mesmos. Não que eu goste disso. Não sei explicar minha relação comigo mesma.
Eu não quero ficar só para não ter que pensar nas coisas. Porque o silencio me faz pensar, e as músicas também. E eu quero ficar só porque  as vezes são muito superficiais demais.
Não é ruim ficar sozinhao.
Isso é ter tempo para si mesmo, para refletir sobre o tudo.
Eu lembro quando eu tinha uns 5 aninhos e fui em uma livraria com meus pais, lugar onde sempre amei, e comprei um livrinho todo desenhado com florzinhas em que o nome era Solidão. Eu nem sabia ler, e estava comprando um livro chamado solidão, sim. Tenho o livro até hoje, e sempre o leio por ser pequeno e fazer refletir, além de que adoro as gravuras.
O livro falava sobre ter um tempo para si, para refletir, um tempo onde já se tinha feito tudo e não sobrava nada, um tempo para você, onde poderia fazer qualquer coisa como encostar num canto do quarto. 
Eu gostaria de fazer isso, refletir sobre tudo, às vezes com a pessoa que eu gosto ao meu lado, sem precisar falar nada, e que uma hora, quando desse vontade tudo estivesse resolvido e bem de novo. 
Mas sabemos que as coisas não funcionam assim. Você tem que ignorar o que te faz mal, mesmo que seja a única coisa que te fazia bem na vida, e fazer com que para você tudo fique bem.
De certo que o problema é quando você ja nao quer mais fazer com que fiquem bem, porque de qualquer jeito que estiverem elas estarão boas para si. Esse é o problema. O problema é quando você já esteve tão forte que agora tudo o que queria era apenas alguém que entendesse o porque de você não fazer mais nada, e essa pessoa mais do que entendesse que você, uma hora, vai voltar a sorrir e fazer coisas por si e por todos. A questão é se essa pessoa vai querer esperar. A questão é se esperariamos. A solidão acontece dependendo de você. Pode ser boa e pode ser ruim. Mas creio que a ruim seria você não gostar nem mais de estar consigo mesmo, e não sei se posso, devo, chamar isto de solidão.
Até mais.


Nenhum comentário:

Postar um comentário